O bagre que só existe no brasil

No PETAR (Parque Estadual Turístico do Alto Ribeiro), existe um peixinho exclusivamente brasileiro: O bagre-cego de Iporanga (Pimelodella kronei). Ele foi o primeiríssimo peixe de caverna a ser descoberto e então descrito no Brasil. Animais dessa espécie não possuem pigmentação, tendo muitas vezes olhos atrofiados, invisíveis da parte externa do corpo ou até mesmo inexistentes.... Continuar Lendo →

Mamíferos primitivos se escondiam de dinossauros no escuro, e isso alterou seu DNA

E tudo isso tem a ver com um peixe! Mas como? Além da visão, o peixe cavernícola cego somaliano perdeu sua capacidade de autorreparação de danos ultravioletas. Ele compartilha essa particularidade genética com mamíferos placentários, o que pode sugerir que ambos se adaptaram da mesma forma à vida no escuro. Os primeiros MAMÍFEROS surgiram há cerca... Continuar Lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑